Sinais.

A paz sai pela fresta da porta da sala.
Os pêlos dos braços levantam e procuram por algo.
A faca corta e faz sangrar.
O calendário não chega ao fim.
O relógio não cansa.
Os pés procuram apoio.
As mãos gotejam o calor.
Os passos ficam pesados.
Os sons aumentam.
Suspiro.
Eu ouço perto.
Sou eu.

Não.
É você.
Chegando para passear no meu sonho.

7 comentários:

Daniella disse...

Humm profundo e bonito... adorei!
Bjo

disse...

Sonho não né? quase um pesadelo. Só faltou o grito. E tem outro nome. Saudade.

Bjo

Uma mulher disse...

sonhando acordada é menina! beijos e tenha um ótimo fim de semana!

Eduardo disse...

lindo!
sempre com finais inteligentes e surpreendentes.
Adoro o seu modo de observar as coisas.
mot bom mesmo!
bjão.

Lud disse...

Lindooo!
Intenso e profundo!
Gostei bastante, menina!
;)

simone disse...

"Chegando para passear no meu sonho."
Hum, lindo!

Ana Luiza. disse...

nem sei o que falar de vc menina ,fantastica!!!!!!!!! maezinha